O segredo da Orquídea-azul (Blue Mystic – Mistério Azul) - PlantaSonya - O seu blog sobre cultivo de plantas e flores
Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




Blue Mystic
Todos os dias são lançadas muitas novidades no ramo de comercialização de flores nacional e internacional, mas uma gerou muita discussão sobre sua origem e cor. Foi a Orquídea azul, ou Blue Mystic como ficou conhecida.

Como já era de se esperar a Orquídea azul foi o grande destaque no encontro da Enflor, em Holambra, São Paulo – Brasil, quando aproximadamente 170 empresas apresentam suas novidades e flores e plantas.

A Orquídea azul acabou se tornando a sensação momentânea, embora seja fruto de uma criação sintética através de corantes a flor agracia os olhos de quem vê infelizmente as flores azuis duram por poucas floradas, mas pra quem vê é bem gratificante.

É muito indicado para dar de presentes, representa superação, e a beleza de como a ciência, e processos biotecnológicos aliados a natureza pode nos proporcionar formas diferenciadas e belas.

Como é feita a Orquídea azul
Trata-se de uma tinta especial que é aplicada diretamente no caule em uma infusão na orquídea Phalaenopsis branca.

As tonalidades de azul podem variar de planta para planta, já que cada indivíduo absorve a tinta de uma maneira diferente. Os profissionais ainda afirmam que as novas hastes já abrem brancas, embora não dá pra se saber ao certo, pois ainda é uma técnica muito nova. A Phalaenopsis tem um sistema de filtragem natural, por isso é mais provável que ela volte a ser branca depois.

orquídea-azul
O assunto da flor de cor azul gerou muita polêmica já que ninguém sabia nada a respeito da nova tonalidade. A única coisa que se sabe, já que os produtores não divulgam o segredo, é de que ela não é pintada, pois não recebe a tinta diretamente na flor, e nem é um novo híbrido, pois a cor sai após a primeira produção de flores voltando a ser branca.

Embora a cor azul não seja natural das orquídeas (nem silvestres), a cor mais próxima do azul de uma orquídea natural são os roxos. E já que não se podem cruzar orquídeas com plantas que não sejam da família orquidaceae, não seria possível cruzar a Phalaenopsis com outras flores para adquirir o tom azul. Essa técnica pouco divulgada pela empresa holandesa foi bem aperfeiçoada só depois de muitos anos de tentativas, pesquisas e testes, como a flor não absorvia direito a cor, vários tipos de infusão foram feitas até que deu certo.

Os cuidados necessários
Na verdade ela exige os cuidados que qualquer orquídea exigiria, porém a Orquídea azul exige um pouco mais de água, e uma adubação precisa a cada quinze dias. Ela pode ser cuidada da mesma forma que cuida de uma orquídea comum, prestando apenas mais atenção a umidade do substrato do vaso, e sempre mantê-lo úmido.

De acordo com a variação do mercado brasileiro ela varia de R$90,00 a R$300,00. É preciso saber que esse valor vale para apenas uma ou duas florações, depois a planta volta a ficar branca. Existem vários sítios e floriculturas que produzem essa modalidade de orquídea, e o preço pode variar bastante também.

Muitas floristas aconselham a cortar as hastes da planta de acordo com sua aparência, quando está debilitada, ou desidratada, etc. Isso devido ao fato que de as Phalaenopsis podem apresentar floração na mesma haste mais de uma vez. Esse processo de floração consome muita energia da planta, por isso quando ela está debilitada gasta a pouca energia para fazer a floração.

Cada produtor tem a sua forma e sua opinião em relação ao corte das hastes das plantas, em alguns casos o corte pode ser necessário pra que a floração seja mais bonita, ou a flor nasça maior e mais colorida (quanto à cor na orquídea azul a pode não influência para que ela dure mais, mas com bons cortes você mantém a planta saudável por mais tempo).

Uma boa dica é cortar a haste cerca de 2 ou 4 cm para cima do terceiro nó, dali provavelmente vão nascer mais um ou dois ramos que florescerão normalmente, mas não espere flores gigantes, como o ramo vai ser novo as flores nascerão de tamanho normal e baixinhas, devido à haste curta. De qualquer forma terá mais meses de floração.

Blue Mystic1
Como Cortar?
Utilize uma tesoura esterilizada para evitar a entrada de fungos e bactérias pelo corte. Conte até o terceiro nó de baixo para cima e faça o corte uns dois dedos acima do nó. Depois de cortar, passe canela no corte para evitar também a entrada de fungos e bactérias, isso evita que esse tipo de organismo ataque a sua planta, o que pode levá-la a morte.

Flores Azuis
Depois do sucesso que a Orquídea azul fez, por que não arriscar outras espécies na mesma coisa também? Há um sítio em Holambra que produz flores na cor azul injetando uma tinta especial antes de a semente brotar, sendo assim a tinta é absorvida ainda pela raiz esponjosa da nova planta, mas só funciona com plantas brancas. Segundo um dos agrônomos da produtora, as próximas floradas das plantas podem ser em tons mais claros ou até voltar ao branco.

Já em outra floricultura que produz as mesmas flores azuis tem outra técnica, sendo ela a de aplicar anilina no caule da planta, segundo uma das vendedoras a planta absorve a cor em um único dia. Mas é preciso tomar cuidado, pois o caule pode se quebrar na hora de injetar a anilina (no caso das orquídeas, já com rosas é mais tranquilo, pois o caule é mais grosso).

Obs.:
A Orquídea azul (Blue Mystic – Mistério Azul) já está sendo produzida agora no Brasil.
A empresa que está produzindo se chama Sítio Kolibri. Fica em Holambra e não faz venda direto ao público. Este orquidário faz parte de uma cooperativa, que vendem orquídeas em leilões para grandes empresas e atingem o Brasil todo.

Você pode descobrir onde tem uma Blue Mystic perto de você, através do e-mail do produtor: sitiokolibri@sitiokolibri.com.br
Aqui no Rio de Janeiro – RJ, Está sendo vendida na Chácara Tropical, no Itanhanguá.

PARIS

Obrigada pela sua visita. Se você tem sugestões ou dicas sobre o assunto, coloque aí nos comentários, eles podem acabar virando temas para novos posts.

OBS: Este site não trabalha com vendas de plantas,sementes e afins, apenas são postados artigos com informações sobre como cultivar as plantas. Você pode adquirir sua planta desejada em qualquer bom Garden Center de sua região.



Comente sobre o post