Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




Sansao-do-Campo

Ideal para cercas de proteção, já que segura até mesmo o gado com seus 300 espinhos por m. O sansão-do-campo dá flores brancas 8 meses por ano. Podem ser plantadas no espaçamento de 10 cm. Num período de 12 a 15 meses, elas chegarão a 3 m de altura caso não haja poda.

Conheça segredos e macetes para elas fecharem mais rápido e os  segredos que garantem o sucesso no  paisagismo.

A função mais usada para uma cerca viva é a barreira visual. Nesse caso, é importante que a fileira de plantas feche o mais rápido possível. Veja alguns truques e macetes que os especialistas usam para ter sucesso com as cercas vivas: Sem sol, elas crescem devagar.

Quanto maior o nível de ruído e pó, mais largo deve ser a cerca-viva, chegando a formar uma cortina espessa com 2-3 m de profundidade> Plante as espécies em fileiras intercaladas.

Observe atentamente a incidência do sol antes de plantar uma cerca viva. Ele tem que iluminar toda a fileira por igual e durante o dia inteiro. De um modo geral, as espécies de cerca viva gostam de sol pleno. Em uma situação de meia-sombra, elas crescem mais devagar.

A poda da ponteira ajuda a cerca viva a “encher”
Corte as gemas apicais, que ficam na porta dos ramos, 2-3 meses após o plantio. Isso estimula a brotação das gemas laterais, que formam novos ramos e deixam a planta mais cheia. A técnica funciona melhor na épocas mais quentes, quando o crescimento da planta está acelerado.

Elas também podem funcionar como excelentes barreiras naturais
Se o seu problema é vento, ruído ou pó que vem da rua, se você quer privacidade e proteção, está na hora de olhar com mais carinho para as cercas vivas. Além de valorizar o visual do seu imóvel, essas espécies podem amenizar problemas comuns do dia-a-dia. Uma cerca de Sanção do Campo (Mimosa caesalpinoideae) adulta pode isolar uma área do jardim de ventos encanados, ao mesmo tempo em que veda a área de ruídos e do pó levantado pelo trânsito pesado.
Essa espécie cria uma cortina verde com mais de 300 espinhos por m² e ramos entrelaçados, dando mais privacidade e proteção aos moradores. No uso dessa planta como anti-ruído e pó, quanto maior for o nível desses elementos, mais larga deve ser as cercas vivas, chegando a formar uma cortina espessa com 2-3 m de altura. Plante as espécies em fileiras com o espaçamento de 10 a 15 cm, assim o fechamento da cerca será total.

A importância da poda
As podas servem para determinar o estilo da sua cerca viva e para estimular a formação das plantas.
Além das tradicionais podas de limpeza, que devem ser feitas uma vez por ano para retirar os ramos secos e malformados, há outros tipos de podas úteis para deixar as cercas vivas mais densas ou mais arejadas.

1_gif16

Obrigada pela sua visita. Se você tem sugestões ou dicas sobre o assunto, coloque aí nos comentários, eles podem acabar virando temas para novos posts.

OBS: Este site não trabalha com vendas de plantas,sementes e afins, apenas são postados artigos com informações sobre como cultivar as plantas. Você pode adquirir sua planta desejada em qualquer bom Garden Center de sua região.



One Response

  1. #1
    Najara Oliveira 
    Friday, 27. April 2012

    Olá!
    Por favor, preciso de uma orientação! Eu plantei uma cerca viva na minha casa há mais ou menos 6 anos,ela se desenvolveu direitinho mas há mais ou menos 1 mês elas estão ficando amareladas em vários pontos e morrendo.Não entendo o que está acontecendo pois ela não precisa de muita manutenção e também a terra não fica encharcada e a poda feita nunca foi radical.Gostaria de uma orientação,por favor me ajude!

Comente sobre o post