Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




Posts para categoria ‘Trepadeiras e Ornamentais’

bougainvillea

A Bougainvillea destaca-se pela três proeminentes brácteas que rodeiam cada uma das suas pequenas flores cremes ou amarelas.

Embora a cor mais comum desta trepadeira seja o violeta, também é frequente encontrar variedades em vermelho, branco ou alaranjado a decorar fachadas do litoral mediterrânico ou atlântico.

É nestas zonas que melhor se adapta porque o clima favorece a adaptação e o desenvolvimento.

Adora o Sol pleno e prefere as paredes próximas da costa e orientação a Sul mas também pode ser cultivada em vasos ou como pequena árvore. Plantada sobre o terreno pode converter-se num exemplar muito volumoso, com ramos fortes e espinhosos até 10/12 m de altura.

Por isso, é necessário ir atando os ramos à medida que vão crescendo para que fiquem pegados à parede ou a outra estrutura escolhida. As duas espécies mais comuns de Bougainvillea são a B. spectabilis e a B. glabra.

Bougainvillea  spectabilis

Bougainvillea_Glabra

A primeira, uma planta doméstica, é utilizada em interiores, enquanto a segunda não admite tutores e é mais utilizada em exteriores.

Mas as suas características são muito parecidas: ambas têm grande porte, rápido e fácil desenvolvimento, folhas perene, ovaladas e de consistência semi-carnosa e enormes raminhos de brácteas florais que se agrupam no ápice dos ramos desde o início da primavera até ao inverno.

A Bougainvillea é uma planta resistente e muito forte  e pra quem está começando nesta arte de criar bonsai, se torna uma ótima idéia para começar a plantar. Ela exigirá muito pouco de você.

Os jardineiros de plantas amam ou odeiam, amam por que elas florescem o ano todo e odeiam por conta de seus longos e pontudos espinhos.

Manutenção
Sol pleno
A Bougainvillea necessita abundante luz e Sol, embora em regiões muito quentes pode estar em zonas de Sol/sombra.

Se plantar diretamente no terreno, coloque ao abrigo de uma parede orientada a Sul. Em vaso, necessita de muito sol.

bougainvillea

Plantio
Na primavera
. A melhor altura para fazer a plantação é na primavera, quando o solo está quente. Escolha um dia sem muito calor ou neblina e regue abundantemente a planta depois de colocada.

Solo
Deve ser fértil e bem drenado. A Bougainvillea não é muito exigente quanto ao tipo de solo, embora prefira os terrenos soltos, férteis e que não retenham água em excesso. Aplique terra vegetal ou turfa todos os invernos.

Rega
Regular no verão. Precisamos estar bem atentos na hora de regar a Bougainvillea. Se a rega for intensa, ela vai florescer pouco. Da mesma maneira, se for pouca perderá seus botões. Então, aconselha-se que se molhe um dia sim e o outro não, mas sempre ir observando. Quando você perceber que estão murchando, molhe o mais rápido possível.

À medida que vão baixando as temperaturas terá que espaçar as regas e no inverso apenas tem que lhe proporcionar água quando a terra estiver completamente seca.

Durante os meses mais quentes agradece pulverizações frequentes na folhagem.

buganv

Multiplicação
Sua multiplicação acontece com a  alporque, estaquia e através de sementes; pode ter de tentar com vários ramos, mas em 4 a 6 semanas esta planta cria um bom sistema radicular.

Embora se trate de uma tarefa difícil, faça estacas com 7 cm de comprimento dos ramos mais jovens no verão e com 15 cm dos ramos mais maduros, no Inverno.

Coloque para enraizar em substrato bem drenado e arenoso e com temperatura de 22-24ºC no verão.

Outros cuidados
Adube, pode e proteja. Durante a época de floração, junte adubo líquido ou granulado à água da rega uma vez por semana.

Também tem que podar com frequência para controlar o crescimento rápido. Não suporta as baixas temperaturas, por isso se vive numa zona de invernos frios, deve proteger a planta com plásticos ou levá-la para a estufa.

Prevenção e cura de doenças
Teias de aranha? Molhe a folhagem
O calor e a seca fomentam o ataque de ácaros como o aranhiço vermelho. Os sintomas são encarquilhamento das folhas, que antes de caírem passam de verde a amarelo e castanho e as teias de aranha.
Solução: Para prevenir, aumente a umidade da planta regando por aspersão ou pulverizando. Para curar, aplique acaricida.

Folhas com verrugas? Trate com álcool
Trata-se de cochonilhas, insetos muito prejudiciais que chupam a seiva da planta até a esgotar. Durante o ataque, segregam um melaço sobre o qual podem surgir vírus e fungos
Solução: Se forem poucas, podem ser retiradas uma a uma com um pincel ou com algodão impregnado em álcool. se o ataque for massivo, aplique um bom inseticida.

Bolor esbranquiçado? Reduza a rega
O oídio manifesta-se em forma de manchas brancas que apodrecem e podem provocar a morte da planta. Surge quando a rega é excessiva ou quando se molham sistematicamente as folhas ou as flores.
Solução: Corte as zonas afetadas e aplique fungicida.

Folhagem deformada? Umedeça o ambiente
A mosca branca chupa a seiva dos tecidos jovens (flores e folhas), que deforma e impregna com uma substância pegajosa que pode dar lugar à ferrugem.
Solução: Eleve a umidade ambiental com regas ou pulverizações periódicas. Recorra a inseticida.

Época de reprodução: Primavera ou Verão

Bougainvillea

Transplantação
Atente para realizar mudas quando a Bougainvillea estiver nova, transplante-a anualmente em Fevereiro, mudando o adubo e vasos. De maneira que, as mais antigas precisam ser mudadas, em pelo menos, de dois em dois anos. Ela prefere ficar à luz do sol, mas nada de exageros para que sua folhagem não adoeça.

As plantas, assim como os seres humanos devem ser tratadas com muito carinho para que tenham um bom desenvolvimento.

Para que tenham bom desempenho em vasos, precisam ter acima de 80 cm de diâmetros, elas precisam de espaços para as raízes.

olhodeágua

tumbergia

A Tumbérgia é definida como um arbusto semi lenhoso, do tipo liana, seus ramos são flexíveis, é muito vigorosa e possui um crescimento ágil. As folhas desta planta possuem uma coloração verde, com formato oval e  bordas denteadas de forma irregular.

As flores são bem grandes e campanuladas, solitárias, porém também com inflorescências de poucas flores, brancas ou mesmo azuladas com o centro amarelo.

O florescimento ocorre abundantemente na primavera, mas também ocorre em outras estações esporádicas ao longo do ano. A espécie T. Alba tem flores brancas, podendo ser cultivada em qualquer região do Brasil.

Thunbergia branca

Como cultivar
Esta planta necessita de sol e sombra. O ideal é que pelo menos no horário da manhã ela pegue sol. O solo precisa ser fértil e bem drenado.

Na cova de plantio coloque 550g de adubo de origem animal de curral, em estado totalmente decomposto  (caso seja de galinheiro, use apenas 275g).

Também é bom colocar 100 gramas de farinha de areia e ossos, misturando sempre com o composto orgânico de folhas.

Utilize um tutor feito com sarrafos ou, se achar melhor, conduza os ramos para um muro ou uma cerca, ou até mesmo pérgola, para ajudar no seu desenvolvimento.

Jamais pode-se esquecer de regar a planta no momento do plantio e depois por mais 10 dias pelo menos. Depois a rega pode ser normalizada com as demais plantas do jardim.

Sempre que houver a necessidade controle o tamanho, então no momento que a planta estiver sem flores, realize a poda do arbusto, preservando sempre ao menos 6 gemas apicais em cada ramo.

Depois da poda, adube a muda com adubo animal curtido e composto orgânico. Não se esqueça de sempre regar bem.

thunbergia_alata rosa

Tumbérgia no paisagismo e na decoração
Esta planta fica radiante em uma cobertura de pérgulas e caramanchões, mas em cercas vivas e muros elas ficam ainda melhor, derrubando-se em longos ramos floridos.

Além disso, ela pode ser consorciada com outra planta que pertence ao mesmo gênero, mas em outra cor, ou seja, você pode misturar as cores azuis e brancas, criando um belo efeito ornamental.

A tumbérgia pode ser reproduzida com facilmente através de sementes na primavera, e colocadas sobre um substrato do tipo leve, casca de arroz carbonizada ou uma mistura de areia e terra comum de canteiro, bem peneiradas.

Outra idéia é colocar em uma sementeira de produção ou em um recipiente grande em forma de cultivo comum. Semeie e depois cubra com terra seca peneirada ou areia, realizando a rega logo em seguida.

Com um plástico você deverá cobrir para que seja mantida a umidade, até que a germinação ocorra e depois disso retire o plástico.

Neste caso o plástico irá servir para acelerar o processo de germinação, fazendo do vaso uma mini estufa, que abafa o ambiente e o deixa mais quente e úmido, propiciando o aparecimento de brotos.

Quanto o broto apresentar cerca de 6 folhinhas pode ser realizado o transplante para um sacos com substrato feito de compostos orgânicos e adubo animal, com areia (tudo em partes iguais).

Coloque um tutor antes de colocar a muda. Pode ser uma pequena estava de bambu, pois a planta ainda é pequena. A estufa deve ser mantida até a planta atingir 0,50 ou 1 m.

Thunbergia alata amarela

Para esta planta se propagar, deve ser mantido estacas jovens na primavera, contando-as de 15 a 25 cm das pontas dos ramos ainda novos e colocando-os em substratos iguais ao da sementeira.

A rega deve ocorrer todos os dias até que o enraizamento ocorra. Se desejar, você pode usar enraizadores para obter uma percentagem maior de indivíduos na produção.

Realize o preparado de substrato com adubo animal e composto orgânico de folhas ou húmus de minhoca mais areia, em partes iguais.  Depois, complete uma parte dos sacos de plantio e coloque a muda. Complete com mais substrato. Realize a rega imediata.

Depois, repita o processo de rega todos os dias por pelo menos 10 dias para que a muda sobreviva.

O local de cultivo deve ser protegido e com 50% de sombra até a sua comercialização. Se necessário use tutores como escada ou tripé para que a muda seja conduzida já para formar sua forma de trepadeira, assim ela fica linda para ser vendida.

Como Cuidar?
Como dito anteriormente, antes do plantio, o solo deve ser adubado com fertilizante orgânico para que a planta cresça. É necessário que a cada 3 meses você coloque um pouco de adubo químico de NPK equilibrado.

Antes de começar a primavera, reforce a dose com o adubo orgânico e fertilizante de fósforo. Esta planta floresce o ano inteiro, porém para que isso ocorra, é necessário que ela esteja muito bem nutrida e saudável.

Coloque também um pouco de areia grossa no solo para melhorar a drenagem e assim evitar que o solo fique muito encharcado em épocas de muita chuva.

Thunbergia Grandiflora

O solo desta planta precisa estar sempre úmido, mas jamais encharcado. Com um  bom fornecimento de água essa planta ficará saudável mesmo em climas mais quentes.

Apesar desta planta ser tropical, ela não enfrentará dificuldades com o sol e pode ser criada sem proteção alguma. Porém, garanta que ela não fique ressecada e nem que lhe falte água.

Enquanto a planta cresce, use barbantes e cordas para amarrá-la (delicadamente) nos locais que você gostaria que ela se desenvolvesse.

Porém, depois de algum tempo, quando ela já estiver mais agarrada, a sua guia deve ser retirada, para que não prejudique o seu desenvolvimento e a prenda a ramos mais baixos. Assim ela seguirá crescendo sobre a mesma por conta própria.

borboletas amarelas

]thumbergia alata

A Thunbergia-alata também conhecida por Amarelinha, Carólia, Cipó-africano, Erva-cabrita, Erva-de-cabrita, Jasmim-da-Itália, Jasmim-sombra, Olho-de-poeta, Olho-preto, Suzana-dos-olhos-negros, é nativa das florestas tropicais da África oriental

A amarelinha é uma trepadeira perene que pode atingir mais de 7 m de altura por mais de um ano quando cultivada em condições adequadas.

Suas flores chamam a atenção por suas cores brilhantes e centro marrons ou roxo-escuros, quase negros, embora também existam alguns cultivares que não apresentam uma diferença de coloração no centro da flor.

Suas flores são geralmente de tons de amarelo ou laranja, mas também há cultivares brancos, vermelhos e rosados.

Os brotos são flexíveis e podem ser facilmente formados em pérgolas e suportes. Tem uma floração longa e abundante e crescimento rápido significa que é uma das vinhas mais populares para varandas e terraços.

As sementes de thunbergia são semeadas em fevereiro e março, em solo fértil, compostadas, mas leve e bem drenado. A planta deve ser cultivada em uma posição muito leve, mas você deve garantir rega e fertilização regulares com fertilizantes compostos.

Thunbergia amarelinha pode ser cultivada junto a treliças, cercas, árvores e arbustos, pode crescer rasteira sobre o solo, ou pode ficar pendendo em jardineiras em sacadas ou em vasos pendurados no alto.

tumbergia

Características
* É uma planta de clima tropical ou subtropical, e não suporta baixas temperaturas
Iluminação.
* Luz solar direta ou sombra parcial. Em regiões de clima muito quente cresce melhor com sombra parcial
* É uma planta sensível a falta de água, assim mantenha o solo sempre úmido, porém sem que fique encharcado
* É bastante tolerante quanto ao solo, mas o ideal é um solo bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica
* Floresce principalmente durante o verão, mas pode florescer durante o ano todo quando as condições de cultivo são as ideais. A amarelinha geralmente começa a florescer em dois ou três meses após o plantio
* Ciclo de cultivo: Plantas perenes em regiões de clima quente, mas cultivadas como anuais em regiões onde o inverno apresenta baixas temperaturas.

Propagação
Por estaquia:
Pedaços de ramos enraízam facilmente em um solo úmido

Por sementes: As sementes podem ser semeadas no local definitivo, ou em sementeiras ou pequenos vasos, sendo depois transplantadas quando estiverem grandes o suficiente para serem manuseadas. Semeie as sementes a uma profundidade de até 0,5 cm no solo.

A germinação das sementes normalmente leva de uma a três semanas. Espaçamento recomendado entre plantas para plantio no solo: 60 a 90 cm.

janel427

Muehlenbeckia-complexa1

A planta-arame é uma trepadeira semi-herbácea, pertence à família Polygonaceae, nativa da Nova Zelândia, perene, rastejante, de ate 5 m de altura e muito ornamental.

Ramos numerosos, finos, densos, marrom-arrocheado tornando-se acinzentado a medida que envelhece

Folhas pequenas, brilhantes, arredondadas e verde-escuras. Suas inflorescências  são curtas com flores pequenas, brancas, levemente perfumadas, sem importância ornamental. Surgem no inicio do verão e atraem abelhas e borboletas.

A planta-arame é compacta, de crescimento rápido e adequado para áreas de sombra com alguma umidade, o que a torna ideal para preencher espaços vazios, formando um denso tapete verde sob plantas mais altas.

No paisagismo, a planta-arame é um verdadeiro curinga. Apesar de que é mais comum o seu uso como planta pendente, em cestas, cuias e jardineiras. No entanto, esta espécie pode ser utilizada como trepadeira se lhe for oferecido algum suporte, assim como cerca-viva, de estilo formal ou informal. Como aceita muito bem as podas, é uma das espécies ideais para trabalhos topiários.

Com esta espécie, é possível fazer verdadeiras cortinas vivas, capazes de reduzir o vento e a poeira. Também faz às vezes de forração, emprestando charme especialmente a jardins rochosos.

Muito cultivada em vasos e jardineiras como planta pendente e na arte da topiaria.

planta-arame

Cuidados com a Planta-arame
Clima: Temperado, Subtropical, Tropical. Tolerante ao clima frio. Deve ser cultivada sob pleno sol ou meia sombra, em solo fértil, arenoso, rico em matéria orgânica, drenável com regas regulares.

Usar Adubo líquido NPK 10.10.10, na da primavera-verão.

Uso na medicina popular
Na medicina popular, as raízes são usadas para baixar a pressão arterial e como diurético.

Todas as informações fornecidas neste site são apenas para fins informativos.

Sobre a Planta-arame
Em seu ambiente nativo, ela desempenha um papel fundamental ao selar o solo na borda de florestas. Também suprime o crescimento das ervas daninhas e promove a maior diversidade de insetos.

Propagação
Sua multiplicação é feita por divisão da planta ou por estacas da ramagem, preparadas principalmente no final do inverno e enraizadas em ambiente protegido.

folhas no outono