Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




Posts para categoria ‘Trepadeiras e Ornamentais’

Roseira-trepadeira

Como o próprio nome sugere, a rosa trepadeira se utiliza de estruturas verticais para se desenvolver. Este comportamento permite que a beleza e o encanto da planta sejam percebidos a distâncias.

Nesse sentido, se você é um verdadeiro apaixonado por flores exóticas, acompanhe este post e veja como cultivar esta maravilha em sua casa.

A rosa trepadeira é comumente utilizada como cerca viva, mas também é uma excelente opção para ornamentar portões, paredes ou muros. Aliás, outro benefício desta espécie é o aroma suave que ela exala no ambiente.

Desse modo, basta escolher entre as diversas opções de cores, para deixar o seu ambiente ainda mais charmoso.

Como cultivar a rosa trepadeira da forma correta
No paisagismo, a rosa trepadeira tem o seu lugar de destaque, sendo muito utilizada para harmonizar entradas de jardins e pergolados. Isso se deve ao fato de que este vegetal é muito resistente e suporta variações drásticas de temperatura.

Dito isso, veja como oferecer as condições ideais para a planta se desenvolver.

roseira trepadeira

Sobre a adubação e poda
Esta planta sobrevive em solo pobre sim. Entretanto, se você deseja ter flores durante os 12 meses do ano, coloque esterco de gado em volta da raiz do vegetal.

Além disso, é necessário fazer uma poda durante o inverno, para fortalecer o crescimento da roseira. Retire as flores murchas, para evitar que elas roubem os nutrientes e prejudiquem as outras.

rosa-trepadeira

Sobre a rega e o solo
O solo deve ser arenoso e de fácil drenagem para evitar que as raízes da planta fiquem encharcadas. Caso isso aconteça, com certeza a rosa trepadeira morrerá.

Em suma, nos meses mais quentes do ano, mantenha a frequência de 3 regas semanais, no entanto, durante o inverno, reduza o intervalo para uma irrigação apenas.

Dá para plantar a rosa trepadeira em vaso?
A rosa trepadeira pode sim, ser cultivada em vaso. Contudo, fica um alerta que o recipiente deve conter entre 35 e 40 de profundidade e a terra deve seguir os mesmos padrões citados anteriormente. Assim, basta retirar um galho de uma planta adulta e fincar no solo preparado.

passarinhos

BOUGAINVILLEA

Se você gosta de jardinagem e procura uma opção que irá deixar seu quintal com a sensação de primavera durante a maior parte do ano, a bougainvillea é a opção certa a você.

Essa linda árvore formada por arbusto, trata-se de trepadeiras lenhosas, é nativa da América do Sul. Ela é uma espécie que consegue de adaptar facilmente com a estação de seca, e são perenes em épocas chuvosas. Além disso, é fácil de cuidar e não precisa de uma atenção especial com regas diárias.

Como fazer muda de bougainvillea com galhos
A bougainvillea é ideal para quem possui chácaras, fazendas e sítios, ou para aqueles que possui um quintal espaçoso em casa. Isso porque ela é uma árvore com capacidade de crescer até 15 m.

Mas, calma, não se desespere, por ser uma trepadeira é possível sim fazer mudas para plantar em vasos e fica muito lindo em decorações e até em locais turísticos. Mas, para isso é necessário saber como fazer a sua muda de forma correta através de estaquias.

O primeiro ponto importante para fazer a muda da bougainvillea é a escolha do galho. Escolha  um galho com aproximadamente 45 cm de comprimento. Para que isso seja possível, opte por aqueles que possuem a parte lenhosa do tronco.

bougainvillea

É através dela que conseguirá fazer novas mudas, pois as que estiverem com pontas não formadas, com o caule ainda verde, não se desenvolverá.

O segundo ponto importante é a preparação do substrato para o plantio. A terra escolhida deve ser rica em matéria orgânica. Uma dica importante é misturar a terra orgânica com areia de construção, é uma das opções excelente para o desenvolvimento do bougainvillea.

Por fim, plante a sua estaquia em um vaso ou em um saco próprio para o plantio desse tipo de espécie (esses sacos você pode encontrar na loja de jardinagem mais próxima).

Procure deixá-lo em locais com meia sombra até o aparecimento de brotos, conforme a sua muda for se desenvolvendo, pode ir deixando no sol com luz direta.

Bougainvillea

Curiosidades sobre a bougainvillea
Você pode encontrá-la em diferentes tonalidades, entre elas existem nas cores roxa, branca, rosa, vermelha amarela e laranja. A bougainvillea é conhecida por diferentes nomes, o nome Santa-Rita e primavera são uns dos mais populares entre várias regiões.

borboletas044

As suas folhas são facilmente confundíveis com as suas flores, porém, as verdadeiras flores possuem um tom amarelo-esbranquiçada, que geralmente ficam no centro das suas folhas coloridas.

Por conta do tamanho das suas pétalas, acaba sendo despercebida. Portanto, já use essas dicas de como fazer muda de bougainvillea com galhos, e deixe seu jardim repleto de beleza.

trepadeira-esqueleto

A trepadeira esqueleto é uma espécie da América do Sul e América Central. Ela possui outros nomes populares: primavera grande, cipó esqueleto e campainha vermelha.

O esqueleto é uma trepadeira delicada e anual, que chama a atenção pelo vivo vermelho de suas flores. Suas folhas são bem diferentes de outras ipoméias.

Elas apresentam a forma de pena, são verde-claras e profundamente lobadas com segmentos afilados.

Os beija-flores e as borboletas costumam se sentir atraídos pela trepadeira esqueleto. Além disso, ela possui uma coloração vermelha bem viva, o que a deixa muito bela. Ela também não apresenta boa tolerância a geadas.

Devido a sua facilidade de propagação, a trepadeira esqueleto é considerada planta daninha em alguma situações.

trepadeira esqueleto

Cultive a trepadeira esqueleto em solo fertilizado e permeável
A trepadeira esqueleto deve ser cultivada em solo fértil e permeável. Para fertilizar a sua terra, recomenda-se o uso de farinha de ossos, nitrogênio, potássio e fósforo. Por fim, a drenagem é fundamental para a manutenção da saúde da espécie.

Regue essa espécie com regularidade
É importante deixar a sua terra levemente úmida, e por isso é fundamental realizar a sua rega com frequência. Porém, é importante ressaltar que não se pode exagerar na quantidade de água.

Em alguns casos, a abundância apodrece as raízes, facilita a propagação de fungos e até mesmo leva à morte da planta.

Plante essa linda planta em sol pleno ou meia sombra
Essa espécie deve ser plantada em sol pleno, pois necessita da incidência solar direta para crescer. Porém, ela também tolera ambientes de meia sombra, apesar da sua necessidade de receber iluminação do sol.

´É recomendado que a coloque para receber a incidência do sol por, pelo menos, 5 horas, diariamente. Por fim, os climas temperados, tropical, mediterrâneo, subtropical e equatorial são os que essa espécie mais tolera.

trepadeira esqueleto

Vale ressaltar ainda que ela se adapta melhor ao subtropical, em comparação com os demais dessa lista. Isso porque essa espécie apresenta maior floração nesse tipo de clima.
Faça a sua poda de controle da trepadeira esqueleto, se for necessário

Se necessário, realize a poda de controle dessa espécie. Vale ressaltar que não se pode causar nenhum tipo de prejuízo à sua estrutura durante a poda. Então, tenha muito cuidado ao fazer o seu corte.

Aprecia o clima subtropical, florescendo mais abundantemente. Não tolerante a geadas. Tolera a estiagem, desde que não seja muito prolongada. Multiplica-se facilmente por sementes plantadas no início da primavera. As sementes germinam em cerca de 4 dias.

borboletas

Holmskioldia sanguinea

O chapéu chinês tem origem do Himalaia. Essa planta também é popular pelo nome de chapéu de mandarim, chapéu chinês vermelho e chapéu chinês amarelo.

Vale ressaltar que essa espécie é um arbusto. O chapéu chinês possui boa adaptação aos climas continental, mediterrâneo, temperado e subtropical.

Cultive o chapéu chinês em meia sombra ou sol pleno
O cultivo da dessa planta deve ser realizado em lugar de meia-sombra ou sol pleno. Vale ressaltar que o chapéu chinês precisa receber a iluminação direta cerca de cinco horas por dia.

Portanto, tenha esses cuidados com o seu arbusto! Por fim, recomendamos que o cultive em climas mais frios ou locais de serra.

chapeu-chines-holmskioldia-sanguinea

Plante esse arbusto em substrato drenado e fértil
O chapéu chinês precisa ser plantado em substrato drenado e fértil. Portanto, enriqueça o seu solo antes da plantação. Sendo assim, recomendamos que adicione fósforo, potássio, nitrogênio, casca de ovo e farinha de ossos na sua terra.

Faça a sua rega regularmente
A frequência dessa rega deve ser entre uma e duas vezes por semana. Além disso, recomendamos que deixe o seu substrato levemente úmido, visto que é proibido o encharcamento. Isso porque essa é a fórmula ideal para deixar o seu arbusto exuberante!

A multiplicação desse arbusto acontece através de mudas ou sementes. Já a sua plantação pode ocorrer como cerca-viva ou trepadeiras. Por fim, é preciso ter atenção: essa planta costuma ser atacada por pulgões.

chapeu-chines

Faça a poda do chapéu chinês corretamente
A poda dessa planta ajuda a diminuir o seu tamanho e arredondar a sua estrutura. Isso porque a sua ramificação é estimulada com esses “cortes” frequentes. Então, faça a sua poda corretamente para deixar esse arbusto ainda mais perfeito.

Essa planta é tão bela e atraente, que chama atenção até mesmo de beija-flores e borboletas. Além disso, a sua floração acontece nos períodos de verão e primavera.

lguinho