Como cultivar a Babosa – (Aloe arborescens) - PlantaSonya - O seu blog sobre cultivo de plantas e flores
Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




aloe_arborescens

Nome Científico: Aloe arborescens
Nome Popular: Babosa, Aloé, Aloé-candelabro, Babosa-de-arbusto, Erva-babosa, Erva-de-azebra, Caraguatá, Caraguatá-de-jardim, Aloé-do-natal
Família: Asphodelaceae
Divisão: Angiospermae
Origem: África do Sul, Malauí, Zimbabue e Moçambique
Ciclo de Vida: Perene

A babosa é uma planta suculenta muito versátil e popular, com aplicações medicinais, cosméticas e paisagísticas. Seu porte é arbustivo, atingindo de 0,5 a 3 m de altura. O caule é ramificado e com base lenhosa. As folhas se apresentam dispostas em roseta e são longas, carnosas, de cor verde azulada e com bordos denteados por espinhos agudos. Quando cortadas, as folhas revelam uma seiva transparente, como um gel. O florescimento da babosa se dá no inverno, despontando inflorescências altas, eretas e muito vistosas. As inflorescências são do tipo rácemo, com numerosas flores vermelhas, laranjas ou amarelas, tubulares e bastante atrativas para beija-flores e abelhas. Os frutos são do tipo cápsula.

Não surpreende o fato desta planta ser tão disseminada e cultivada no mundo todo, afinal, com tantos predicados era de se esperar que caísse no gosto popular. No jardim, com suas folhas e formas decorativas, a babosa presta-se para a formação de maciços densos, conjuntos com outras plantas ou mesmo em renques. É indicada especialmente para jardins rochosos ou áridos, em composições com cactos e outras suculentas, e para cercas vivas defensivas.
Esta suculenta também não pode faltar no jardim de ervas medicinais, pois é uma eficiente e rápida opção para o tratamento de queimaduras, irritações e abrasões da pele, isso sem considerar todas as suas outras propriedades terapêuticas e cosméticas. Ela é considerada tão rica em princípios ativos quanto sua “prima” Aloe vera, a babosa-medicinal. Seu crescimento é moderado a rápido e necessita de pouca manutenção e cuidados, sendo uma boa opção para jardineiros iniciantes.

Cuidado: a babosa pode ser alergênica para algumas pessoas e sua ingestão não é recomendada sem supervisão médica.

Deve ser cultivada sob sol pleno ou meia-sombra, em solo bem drenável, leve, enriquecido com matéria orgânica e irrigado a intervalos regulares. A babosa é extremamente rústica e capaz de tolerar condições extremas como estiagem, solos inférteis, altitude elevada, frio, variações bruscas de temperatura e ventos.

Adapta-se a uma ampla faixa climática, desde regiões subtropicais até equatoriais. Não resiste a geadas fortes. Multiplica-se por separação das mudas formadas entorno da planta mãe, assim como estaquia de folhas ou caule e, mais raramente, por sementes postas a germinar na primavera.

Medicinal
Indicações:
Afecções da pele e anexos, reumatismo, úlceras, anemia, prisão de ventre, verminose, câncer, AIDS, imunodepressão, infecções respiratórias, etc.

Propriedades: laxante, antiinflamatória, antibiótica, antiviral, anticârcinogênica, cicatrizante, antipruriginosa, hidratante, tônica, estimulante, anti-helmíntica, emenagoga, emoliente.
Partes usadas: Folhas, seiva.

24

Obrigada pela sua visita. Se você tem sugestões ou dicas sobre o assunto, coloque aí nos comentários, eles podem acabar virando temas para novos posts.

OBS: Este site não trabalha com vendas de plantas,sementes e afins, apenas são postados artigos com informações sobre como cultivar as plantas. Você pode adquirir sua planta desejada em qualquer bom Garden Center de sua região.



10 Responses

  1. Lindo esse blog! compartilhei no face…

    Gostaria de saber se há um tipo de babosa pequeno que dá para plantar em aptos e o que ela necessita – tenho um terracinho…
    Grata
    Iracema Kuhlmann

  2. #2
    Hortencia Silvestre 
    Friday, 13. January 2012

    Bom dia Sonia
    Tenho 3 vasos de cimento pintados de branco,estão em suportes de altura diferentes.ficam em um espaço onde pegam sol pleno entre8:00 da manhã e 13:00 da tarde.Não tenho outro lugar para eles.Coloquei beijos turcos plantados em vasinhos dentro deles.Ficam bonitos por um tempo,depois nao aguentam o sol e murcham.
    O que vc sugere que eu plante nestes vasos? eles tem uns 40cm de diametro. Obrigada. Hortencia

  3. #3
    carlos alberto 
    Tuesday, 19. June 2012

    boa tarde eu teho algumas plastas de babosa mais eu acho que falta alguma coisa porque elas não desenvolvem não crecem eu não sei pode esta faltando algo, tinha algumas em vaso mais não desenvolvia eu palntei algumas no solo mais nada, oque acontece é que ela da muitas mudas somente isso.

  4. Com que tipo de terra devo plantar a babosa

  5. Eu desejo saber onde encontra muda da babosa arborescens. Da outra temos aqui, mas está está muito dificil, se alguem puder ajudar, agradeço

  6. obrigada pela orientação

  7. #7
    ione rodrigues 
    Thursday, 20. June 2013

    tenho uma babosa plantada numa vasilha e coloco na minha mesa e está com folhas lindas então dá pra criar em apartamento.

  8. #8
    José Carlos 
    Monday, 24. June 2013

    Olá, pessoal
    Como saber se a variedade de babosa que tenho em casa pode ser tratada como medicinal?

  9. #9
    Massilon Ferreira da Silva 
    Sunday, 7. July 2013

    Estou iniciando uma plantação de babosa (20.000 plantas)aqui em Sergipe e gostaria de manter contato com pessoas do ramo.

    Massilon Silva
    Aracaju – Sergipe

    massilonsilva@bol.com.br

  10. Oi! amei este blog, que bom que a gente pode encontrar coisas assim na internet. Vou compartilhar uma descoberta recente que fiz com babosa, Tenho um problema cronico de pele,(dermatite atópica) já estava me sentido muito mal com a pele muito ressecada e coçava muito a ponto de fazer feridas e depois que comecei a passar a baba da babosa minha pele ficou idratadícima mais clara e diminuiu a coceira. Vale apena tentar, quem está passando pelo mesmo problema. abraço.

Comente sobre o post