Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




 Haemanthus multiflorus

O Haemanthus multiflorus é uma planta bulbosa da família Amaryllidaceae, nativa da maioria da África subsaariana do Senegal a Somália e África do Sul. Também é nativo da Península Arábica (Arábia Saudita, Iêmen, Omã e às Seychelles).

É naturalizada no México e no Arquipélago de Chagos. A coroa imperial é uma planta especial, ela se abre no início do verão na época de natal. A haste da flor tem uma inflorescência arredondada de 8 a 12 cm de diâmetro. A planta pode viver por muitos anos e florescerá anualmente.

Acredita-se que essa planta chegou ao Brasil trazida pelos escravos africanos que a usavam na alimentação. Porém, atualmente a planta é considerada ornamental e é muito utilizada em jardins.

Uma das causas para ela não ser utilizada como condimento como era na África é que algumas espécies da família de Amaryllidaceae são tóxicas. O seu consumo pode trazer graves distúrbios intestinais e estímulo do sistema nervoso central.

Uma das espécies brasileiras, mais conhecida como açucena, se consumida, provoca uma forte diarréia. Isso acontece graças à concentração de alcalóide licorina.

Mas nem todos os princípios ativos das plantas são nocivos. Por exemplo, a galantamina presente na Coroa Imperial está sendo utilizado em testes para o combate à doença de Alzheimer.

coroa imperial

Como cultivar a coroa imperial
Durante a estação de crescimento a planta precisa de sol, se possível sol direto durante duas horas por dia. Durante a dormência no inverno, o sol é sem importância, mas a temperatura não deve cair abaixo de 13ºC.

As folhas são grandes e de textura fina, com uma nervura central distinta e uma margem ondulada. Uma planta bem cultivada pode chegar até 70 cm de altura com uma extensão de até 110 cm. Cada flor é vermelha com estames salientes carregando anteras amarelo brilhante.

Embora tóxica, a coroa imperial é muito utilizada como planta ornamental. Para cultivá-la em casa, é preciso ter consciência que você não pode ter bichinhos de estimação como cachorros e gatos por perto, para evitar problemas.

Na hora de plantá-la, escolha um substrato rico em matéria orgânica e a mantenha longe do sol, à meia-sombra. As plantas precisam de umidade consistente e uniforme com drenagem intensa durante a estação de crescimento. Reduza a umidade no inverno. Você pode plantar os bulbos no final do inverno.

Para isso, você deve cavar um buraco de cerca de 20 cm e adicionar estrume bem decomposto. A areia precisa estar bem molhada. Coloque os bulbos a uma profundidade de 15 cm e cubra com terra, mas não compacte.

Escolha bem o lugar, pois a coroa imperial apesar de duradoura não gosta de mudança de terrenos, podendo vir a morrer. O indicado é que elas fiquem, no mínimo, por cinco anos em um lugar só.

Haemanthus multiflorus

Embora sejam muito bonitas, elas não possuem um odor agradável. Suas flores têm um formato de sinos e podem variar do vermelho até o amarelo. A floração acontece por volta da primavera.

Se você prefere plantar a coroa imperial em um vaso, reserve para isso, um de mais de 50 cm de diâmetro e com, no mínimo, 40 cm de profundidade.

Não esqueça que o recipiente deve ter um bom sistema de drenagem para não deixar a planta muito molhada, o que pode atrapalhar o seu desenvolvimento e sua floração.

Água livremente enquanto está em crescimento. Duas adubações anuais são o suficiente: uma no outono com húmus de minhoca ou esterco bem curtido, e outra na primavera com NPK 4-14-8.

Obrigada pela sua visita. Se você tem sugestões ou dicas sobre o assunto, coloque aí nos comentários, eles podem acabar virando temas para novos posts.

OBS: Este site não trabalha com vendas de plantas,sementes e afins, apenas são postados artigos com informações sobre como cultivar as plantas. Você pode adquirir sua planta desejada em qualquer bom Garden Center de sua região.



Comente sobre o post