Subscribe to PlantaSonya Subscribe to PlantaSonya's comments




Posts para categoria ‘Plantas e Flores Exóticas’

Silene-capensis

Silene capensis é uma planta nativa do Cabo Oriental da África do Sul, onde é considerado pelo povo Xhosa como uma planta sagrada.

As flores abrem durante a noite e fecham durante o dia. Eles são muito perfumadas.

A Silene Capensis tem sido usada há milênios pelos pajés da verdejantes vales fluviais da província do Cabo Oriental da África do Sul. Os xamãs de Xhosa consideram a planta como raiz medicinal que chamam de “Undela Ziimhlophe,” que se pode traduzir literalmente como “plantas brancas” ou “caminhos brancos”.

Germinação:
Semeie as sementes em um recipiente com a um substrato bem drenado e umedecido, se plantar em vaso faça furos no fundo para saída da água, evitando o apodrecimento das raízes. Não cubra as sementes, umedeça o solo com a ajuda de um borrifador, evitando assim que elas afundem e cubra com um plástico filme com passagem de ar ou furos. Esta pequena estufa precisa de pelo menos 4 a 6 horas de luz por dia para germinar. Se as sementes secarem durante este período, as plantas dificilmente germinarão.

Cultivo:
Pode manter as planta em semi-sombra certificando-se de que, pelo menos, tome o sol da manhã ou da tarde.

Em geral, plantas, frutas e ervas não devem ser cultivadas com uso de adubos químicos para se obter um sabor mais intenso e plantas mais compacta.

Após suas mudas estiverem estabelecidas é recomendado adubação mensal para melhor desenvolvimento. Os adubos orgânicos (estercos, compostos, húmus de minhoca, folhas, etc.) são considerados os fertilizantes mais completos e equilibrados. A matéria orgânica supre as plantas com elementos nutritivos, reduz as perdas de nutrientes por lavagem dos fertilizantes químicos de elevada solubilidade, favorece o desenvolvimento de microorganismos do solo e propicia melhor agregação das partículas do mesmo melhorando, assim, seu arejamento. Entretanto, para suprir as necessidades de nutrientes das plantas, são necessárias quantidades elevadas de adubos orgânicos, o que inviabiliza seu uso exclusivo.

Dece-se usar um fertilizante que contenha substâncias orgânicas vivas – isto é, microorganismos benéficos e substância das em suas atividades, tais como aminoácidos, substâncias bioativas e açúcares – produzidas a partir da bio-fermentação da vinaça de cana-de-açúcar, além de nutrientes minerais selecionados especialmente para o cultivo de orquídeas (Zn, Mn, S, B, Co, Mo). É destinado a complementar a nutrição básica provida por fertilizantes NPK e melhorar a desenvolvimento e a conservação das plantas. É sempre recomendado usar uma quantidade menor que a indicada pelo fornecedor.

O óleo de Neem é um inseticida totalmente natural, eficiente no combate e prevenção de mais de 500 espécies de insetos, ácaros, pragas, etc.

flor39

eucaliptos

Por não terem predadores naturais, essas espécies podem se multiplicar sem controle, tornando-se assim uma praga, como é o caso do Eucalipto.

- Por não terem uma boa relação com a floresta nativa, podem competir desigualmente pelo espaço, chegando até matar as espécies nativas, como é o caso da Leucena, que em seu habitat natural com pouca água, desenvolveu uma substância que impede o crescimento de outras espécies ao seu redor, para evitar a competição pela água escassa.

- A proliferação pode ser descontrolada. Como é o exemplo também da Leucena. Em seu habitat nativo desenvolveu uma estratégia de produzir milhares de sementes. Isso porque a semente que encontrar apenas um pouco de água já irá germinar. Mas aonde o solo é seco só algumas sementes conseguem sobreviver. Aqui no Brasil, por sser um país tropical úmido, todas as sementes encontrar condições ideais para germinar. O que temos é uma diceminassão tão intensa deste espécie que hoje é considerada uma verdadeira praga em nosso ambiente.

- Algumas espécies exóticas tem as raízes muito bem preparadas para absorver toda a água que conseguirem. Como é o caso do Eucalípto, que absorve tanta água do solo, que este chega a ficar seco. Muitos locais estão com o solo pobre por terem sido invadidos por esta espécie, que muitas vezes é plantada por pessoas que desconhecem este problema.

- O maior erro em se plantar exóticas como Eucalípto e Pinheiros, é que estas espécies crescem muito rápido. Pessoas e empresas que são obrigadas judicialmente a reflorestar, utilizam estas espécies para mostrar o resultado o mais rápido possível. O que muita gente não sabe é que com espécies pioneiras brasileiras, consegue-se este resultado ou mesmo um melhor, tanto em termos de tempo quanto obviamente de qualidade, como é o caso da Embaúba, Monjoleiro e outras.

árvores

Syngonanthus chrysanthus Mikado (Small)

Nome - chrysanthus Syngonanthus ‘Mikado’ (também chamado de ‘Mikado’)
Gênero
- Syngonanthus
Espécies –
chrysanthus

É uma planta de pântano.
Temperatura entre os 19 Cº e os 22 º.
Gosta de luz forte, mas indireta. Suporta sol por algumas horas por dia, sempre na parte da manhã.
Gosta de solos leves (com turfa), ligeiramente ácidos e com boa drenagem. O solo tem no entanto tem de estar permanentemente úmido.
O requisito mais importante para a sua sobrevivência é a umidade do ar, a qual tem de ser muito elevada, na ordem dos 70%. Por esse motivo pode estar sujeita a ataques de fungos, se estiver demasiado úmida.
Reproduz-se por apenas por sementes.

É uma planta elegante e incomum, suasfolhas são finas, longas e retas, tendo na ponta de cada folha uma flor em forma de cabeça de alfinete na cor dourada.

Devido ser uma planta de pântanos,  a umidade deve ser mantida elevada, em torno de 70%, se possível.
Manter a planta em um vaso de vidro alto, profundo e pulverizando-o regularmente com água filtrada, isso ajudará a manter o nível de umidade acima.
Água regularmente, para não permitir que o composto secar.
O melhor ambiente para se colocar os vasos da Syngonanthus seria provavelmente em banheiros, pois é quente e úmido, a menos que você tenha outro lugar que atenda os  requisitos da planta.

Podem ser suscetíveis a pulgões. Pode ser afetado por ataque de fungos, se a umidade for muito alta.

Caso alguns dos leitores tenha alguma vez tido uma destas belas plantas, gostaria imensamente  que partilhassem comigo a sua experiência de cultivo. Pode ser?

margaridinha

ZamiaFurfuracea

Planta exótica extremamente ornamental e rara.

Está na lista de plantas em extinção da UICN (União Internacional para Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais).

Nativa do Sudeste VeraCruz, México oriental.
A planta tem um pequeno tronco as vezes subterrâneo.
Cresce lentamente quando jovem, mas acelera o crescimento quando amadurece.

Adapta-se melhor em solo úmido e bem drenado, pode ser plantada ao sol.

Em regiões temperadas é cultivada como planta indoor e em áreas subtropicais como planta para varandas, jardins e vasos.

As folhas são de tonalidade verde clara. Apesar de ser um arbusto, as folhas brotam diretamente do chão, pois o caule é subterrâneo ou no máximo fica com uma pequena parte para fora do solo.
Na Austrália ela é muito utilizada para bonsai.